ArquiteturaConstrução

Monumento do Boné; Apucarana produz em média 5 milhões de bonés por mês

A cidade é conhecida como a capital do boné

Bonézão em Apucarana
Foto: Sérgio Rodrigo

O ‘bonezão’ foi entregue em 31 de janeiro de 2008.

Ocupando uma área na Avenida Zilda Seixas Amaral, na altura do viaduto, e por objetivo divulgar um dos maiores potenciais do município, que é a produção do acessório.

Apucarana produz em média 5 milhões de bonés por mês.

Este número representa 70% de toda produção nacional.

Por isso, a cidade é conhecida como a capital do boné.

Conheça a história do Hospital das Cerejeiras de Apucarana, que seria um dos mais modernos da América Latina

O monumento moldado em concreto é obra de um artista plástico. Sendo, segundo registro, o maior confeccionado até hoje no mundo.

Construído a partir da estrutura em tecido que, durante a Expo Boné 2006, “vestiu” a cabeça de mais de 340 pessoas.

LEIA MAIS:

Praça Rui Barbosa de Apucarana passou por grandes transformações

Tags
Mostre mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Close